Fake News após o diagnóstico de câncer

    É extremamente comum que após o diagnóstico de câncer pessoas próximas a você indique alimentos milagrosos para diminuir alguma toxicidade proveniente do tratamento ou até mesmo para a cura desta doença. Quando pesquisamos na internet sobre “alimentos milagrosos que curam o câncer” encontramos muitos sites e diferentes alimentos. Contudo, cuidado! Não existe um alimento isolado que causa o câncer bem como não existe um alimento isolado que cura o mesmo. A alimentação durante o tratamento para potencializá-lo e favorecer a recuperação é imprescindível, mas é o conjunto de atitudes que fazem a diferença.

    Muitos alimentos em doses pequenas não causam nenhum dano, contudo, alguns alimentos em concentrações elevadas podem levar à toxicidade, principalmente renal e hepático, muitas vezes interrompendo o tratamento. A exclusão de um alimento ou de um grupo de alimentos durante o tratamento, também não é indicado, pois poderá prejudicar a ingestão alimentar, potencializar a perda de peso e piorar o prognóstico.

    Separei algumas fake News mais comuns acerca deste tema:


    CARBOIDRATOS ALIMENTAM O CÂNCER

    Os carboidratos são muito importantes para fornecimento de energia, além disto os integrais, contém fibras e nutrientes importantes para o bom funcionamento do organismo. A célula cancerígena utiliza três vias metabólicas simultaneamente para a sua nutrição, utilizando os carboidratos, as proteínas e os lipídeos para a produção de energia para o seu crescimento. Dessa forma, por mais que o carboidrato seja retirado da alimentação, a célula cancerígena continuará se nutrindo. Sendo assim, esta conduta prejudicará o paciente e favorecerá a sua desnutrição. Os estudos mostram que o que favorece o crescimento tumoral são os picos de hiperinsulinemia, o qual pode ser controlado com a ingestão adequada de carboidratos, bem como a sua qualidade e quantidade na dieta.


    A GRAVIOLA CURA O CÂNCER

    O extrato bruto da graviola apresenta atividade antimicrobiana, anti-inflamatória, imunomodualadora e anticâncer, contudo, não há um consenso referente a dose indicada para a ingestão deste extrato, onde ele também confere efeito neuro-tóxico. Dessa forma, o ideal é consumir a fruta in natura, pois as substâncias benéficas ainda estarão no fruto, mesmo que não de maneira isolada. Lembre-se que você é um indivíduo e a sua individualidade deve ser levada em consideração na hora de se alimentar, não é porque funcionou para um parente que funcionará para você. Procure um profissional qualificado e de confiança para sanar as suas dúvidas e elaborar um plano alimentar adequado ao seu tipo de câncer, tratamento proposto e individualidade fisiológica.



    Receita de Muffin salgado de mandioca

    Ingredientes:

    · 150g de mandioca cozida

    · 2 colheres de sopa de farinha de quinoa ou aveia

    · 1 unidade de ovo

    · 2 claras de ovos

    · 200g de iogurte natural

    · 1 colher de chá de fermento

    · Sal e gergelim a gosto

    Modo de preparo:

    Em um recipiente, misture todos os ingredientes; Coloque a massa em forminhas de cupcakes e leve ao forno pré-aquecido à 180ºC por 20 minutos.


    Aline Barreiros

    Nutricionista Funcional especialista em Oncologia

    CRN3:41430

    • Facebook
    • Instagram

    © Todos os direitos reservados - JORNAL TEMA

    O Jornal Tema não se responsabiliza pelas matérias ou artigos assinados.
    As opiniões não refletem, necessariamente, a opinião da diretoria deste jornal.

    E-mail: jornaltema@gmail.com

    Dúvidas e sugestões (13) 99116.0050 ou Redação (13) 3561.8382

    Administrado pela ASSECOM Assessoria