Curso aprimora o atendimento prestado em bancas


    As opções que Santos pode oferecer aos turistas, orientações sobre atendimento ao público e como acessar e registrar ocorrências na Ouvidoria da Prefeitura integraram o conteúdo do curso dado a 16 proprietários de bancas que funcionam como Posto Voluntário de Informações Turísticas e Ouvidoria (Povits).

    As bancas que fizerem o atendimento de Ouvidoria terão acesso a formulários e poderão orientar os munícipes a fazer solicitações, registrar ocorrências e denúncias e também orientá-los a proceder o registro via smartphone.

    Segundo o ouvidor Rivaldo Santos, o curso visa dar ainda mais qualidade ao trabalho dos jornaleiros. “Com a capacitação, esses profissionais estarão mais preparados para o atendimento que já realizam, não somente sobre os pontos turísticos, mas também na orientação ao cidadão".

    O curso de capacitação para os proprietários das bancas de jornal que funcionam como Posto Voluntário de Informações Turísticas (Povits) aconteceu nesta terça-feira (10) às 14h, no Museu Pelé, e teve o objetivo de esclarecer o programa de Bancas de Informações Turísticas e Ouvidoria em parceria com a Ouvidoria, Transparência e Controle (OTC) de como acessar e receber solicitações, ocorrências e denúncias, além de apresentar um panorama geral do que Santos pode oferecer para os turistas, orientar e aprimorar os jornaleiros sobre o atendimento ao público como recepção e informações turísticas. Participaram do curso 16 jornaleiros.


    Fotos: Marcelo Martins

    • Facebook
    • Instagram

    © Todos os direitos reservados - JORNAL TEMA

    O Jornal Tema não se responsabiliza pelas matérias ou artigos assinados.
    As opiniões não refletem, necessariamente, a opinião da diretoria deste jornal.

    E-mail: jornaltema@gmail.com

    Dúvidas e sugestões (13) 99116.0050 ou Redação (13) 3561.8382

    Administrado pela ASSECOM Assessoria